Pesquisar este blog

Recebe as atualizações no seu e-mail

30 de agosto de 2013

Fazer o Show da Tarde como tem que ser



Todas as sextas-feiras no programa Show da Tarde exibido na RTV Canal 38 – Apucarana, Norte do Paraná, traz algo diferente. Denomina-se o programa de especial, mas de nada tem de especial, pelo contrário, é mais um programa, ou como deve ser um programa “educativo”.

O Show da Tarde exibido na RTV Canal 38 de Apucarana, Norte do Paraná, em tese, é um programa de entretenimento, voltado para o humor, eventos e outras coisas mais (que prefiro reprimir em escrever), mas as sextas-feiras o programinha se volta mais para o lado educativo, cultural e informativo, no qual recebe convidados de diferentes áreas como artistas locais, professores, médicos e até promotor de justiça.


Quando produzimos programas como esse, onde se tem uma pessoa como um promotor de justiça, sem esquecer que já se passaram pelo programinha professores, médicos, artistas de diversas áreas, lembro-me de quando ainda criança ficava lendo livros sobre a história da comunicação, surgimento do rádio no Brasil, emissoras comerciais, educativas e comunitárias (Rádio e TV).

Sempre guardei comigo os dizeres de Roquette-Pinto em 1922,no qual ele sabiamente definiu que “o rádio é o jornal de quem não sabe ler; é o mestre de quem não pode ir a escola; é o divertimento gratuito do pobre; é o animador de novas esperanças; o consolador do enfermo; o guia dos sãos, desde que realizem com espírito altruísta e elevado”.

Mas o que tem a ver os dizeres de Roquette-Pinto sobre o rádio há quase um século sobre um programa de televisão numa cidade com mais de cem mil habitantes? Tudo. Sim, a resposta é tudo, pois independente do veículo, tem que ser inserido uma programação voltada para os que ainda (em pleno século XXI) não tem acesso ao jornal, não frequenta os bancos da escola, não possui divertimento, vive sem esperança e muitas vezes encontra divertimento nesses veículos de comunicação local, conforta os enfermos que não tem ingresso a um tratamento digno de saúde (nós que estamos inseridos nesse meio sabemos que muitos não têm um atendimento nem indigno).

Receber esses convidados, informar, entreter, denunciar as mazelas do poder público, fazer um programa tentando seguir os moldes do mestre Roquette-Pinto, mesmo que ele tenha dito sobre o rádio, vale e todos os profissionais de comunicação devem levar a sério.

Assim tem que ser uma emissora educativa, sem ficar se preocupando com lucros e sim com conteúdos que possa acrescentar na bagagem cultural de quem está recebendo. Assim pretendo, mesmo que não seja no Show da Tarde, mas em todos os veículos que eu estiver inserido.



Filled Under:

0 comentários:

Postar um comentário

Google+ Badge

Show da Tarde - Vídeos

Nós no Facebook

Tiago Prado | Promova sua página também

Veja também


 

About US